Como ter um relacionamento sério e duradouro

Como ter um relacionamento sério e duradouro

Como você tem encarado as suas relações interpessoais? Existe uma frase já muito consagrada pelo escrito inglês John Donne, que no português brasileiro tem essa releitura “ Ninguém é uma ilha de si mesmo. Cada um é uma porção do continente, uma parte do oceano” com essas palavras podemos concluir que num relacionamento humano, não existe apenas o nosso ego em jogo, existem as relações com o próximo, talvez seja essa a origem da diplomacia, uma negociação constante de temperamentos, anseios e objetivos.

Como ter um relacionamento sério e duradouro
Como ter um relacionamento sério e duradouro

O primeiro passo

O primeiro passo para se ter um bom relacionamento é dividido em duas partições:

  • Conhecer a ti mesmo.
  • E ouvir o seu companheiro

Conhecer a si mesmo te da segurança no momento que precisar explorar as nuances da personalidade do próximo.

Segundo Passo

Certamente vocês conhecem a franquia do J.R.R Tolkien, não é mesmo? Bom e o que isso tem a ver com ter um bom relacionamento, calma, já chegaremos lá e prometo que fará todo o sentido, nas histórias de Tolkien existe uma raça denominada Hobbits, que significa “criatura de hábitos” no decorrer das sagas o escritor cria toda uma tipologia dessa raça, por ex: gostam de viver em lugares afastados, possuem costumes sociais peculiares dentre outras características interessantes, para um Hobbit era praticamente impossível desbravar aventuras como as descritas na obra devido aos seus hábitos pouco sociais.

Muitas vezes somos dessa forma, criaturas de hábitos com pouca flexibilidade para negociá-los, pautar o nosso relacionamento a partir dos nossos hábitos significa anular completamente o outro, e essa tem sido a saga de muitos casais, cada qual tentando impor os seus hábitos e ninguém cedendo um milímetro

Terceiro Passo

O respeito ao próximo é um pilar civilizatório, não seria diferente com o seu relacionamento, encare o seu namoro, noivado ou casamento como um tratado social, se o namoro é monogâmico, respeite as diretrizes do que foi combinado no começo do seu relacionamento, não recorra a traições, essa é uma falha de caráter um tanto egoísta e que machuca o sentimento das pessoas.

Passo quatro

Não faça do seu relacionamento uma franquia do casamento dos seus pais, não queira implantar os usos e costumes que você presenciou deles, crie a sua própria maneira de ver as coisas, seja contemporâneo, entenda que os valores de 50,40 ou 30 anos atrás não são os mesmos de hoje, dê o espaço que o seu companheiro precisa no relacionamento, crie atividades individuais e coletivas, saiba que muitas vezes o seu parceiro vai preferir ter algumas atividades com amigos ou amigas, não será diferente com você.

Gostaram do nosso conteúdo? Então compartilhem em suas redes sociais, em caso de dúvidas e sugestões, interajam conosco em nossos comentários, será um prazer responde-los.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *